Desenvolvimento econômico será debatido com agentes públicos em MS

Desenvolvimento econômico será debatido com agentes públicos em MS

Por Assessoria de Comunicação

Publicação: Qui, 03 Mai 2018 13:45:00 -0300

Última modificação: Sex, 04 Mai 2018 11:19:48 -0300

Crédito: Sebrae.

Com o ressurgimento do empreendedorismo, o gestor inovador enfrenta riscos e incertezas, em troca de projetos desafiadores, na incessante busca de maior autonomia, satisfação e desenvolvimento sustentável.

As transformações tecnológicas atuais podem ser consideradas revolucionárias, visto que alteram a dinâmica da produção de riqueza e demais esferas da sociedade: capacidades intelectuais tornam-se mais relevantes para o desenvolvimento econômico do que capacidades físicas ou recursos naturais.

Nesta conjuntura, o Fórum de Secretários Municipais de Desenvolvimento, vão debater soluções, a fim de promover mecanismos inovadores em setores essenciais. O evento é gratuito, aberto ao público e vai reunir agentes públicos de todas as regiões do Mato Grosso do Sul.

Com a proposta de colocar a ótica de cidades inteligentes em pauta, Fórum MS, Sebrae e Assomasul, convidam os agentes públicos de Mato Grosso do Sul a participarem do evento no dia 4 de maio de 2018, às 8 horas, no auditório do Sebrae, em Campo Grande (MS).

Dentro do potencial econômico dos municípios sul-matogrossenses, o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, vai abordar a competitividade na palestra "Alternativas para o desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul". Marcos Derzi, superintendente da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste - Sudeco, vai apontar os "Mecanismo de financiamento para Mato Grosso do Sul", enquanto o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun vai encerrar com "Desenvolvimento econômico regional e o contexto federativo: Alternativas de cooperação entre municípios e União para efetivação de políticas públicas".

Também haverá dentre as palestras, apresentação sobre o uso de consórcio público em cidades inteligentes, ministrado pela IMA, uma empresa de economia mista, cuja principal acionista é a Prefeitura Municipal de Campinas.