Sudeco participa de reunião do CDE em Goiás

Sudeco participa de reunião do CDE em Goiás

Por Assessoria de Comunicação

Publicação: Sex, 11 Ago 2017 10:47:00 -0300

Última modificação: Ter, 15 Ago 2017 14:07:23 -0300

A Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) participou, na última quinta-feira (10), de mais um dos encontros programados junto aos Conselhos de Desenvolvimento dos Estados (CDEs) para discutir a programação do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) para o ano de 2018. Desta vez, a reunião foi em Goiânia (GO).

Garantias do Fundo, limites para capital de giro e tempo de análise das propostas foram alguns dos assuntos debatidos.

Na ocasião, representantes da Superintendência, do governo local, do Banco do Brasil e do Conselhos de Desenvolvimento do Estado de Goiás deram suas sugestões para a confecção do documento.

Este é apenas o início das discussões sobre a agenda para o próximo ano. Os estados ainda poderão enviar propostas e solicitações para a avaliação do Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Condel/Sudeco) até o dia 30 de outubro. E as proposições deverão ser aprovadas pelo Condel até 15 de dezembro.  

Eventos similares já ocorreram em Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS). Os encontros vão ocorrer em todos os estados do Centro-Oeste e no Distrito Federal, e são resultado de uma parceria entre a Sudeco, o Ministério da Integração Nacional, o Banco do Brasil e os governos estaduais. A próxima reunião será no DF, ainda neste mês.

 

A LEI

Os encontros visam cumprir o determinado pela Lei 7.827, que regulamenta os Fundos Constitucionais. De acordo com o texto, “cabe aos Conselhos Deliberativos do Desenvolvimento das superintendências nas regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste encaminhar o programa de financiamento para o exercício seguinte, juntamente com o resultado da apreciação e o parecer aprovado pelo Colegiado”.

Ainda de acordo com o regulamento, é responsabilidade do Ministério da Integração Nacional estabelecer as diretrizes e orientações gerais para as aplicações dos recursos dos Fundos Constitucionais de Financiamento do Norte, Nordeste e Centro-Oeste.